Algodão: perspectiva é de novo recorde

O novo relatório do Rabobank indicou que as perspectivas para a produção de algodão na próxima safra se encaminham para um novo recorde, com 1,55 milhão de hectares de área destinada à cotonicultura no atual ciclo, a maior desde a temporada 1991/1992.

Nesse cenário, a estimativa confirmou o relatório “Perspectivas para o Agronegócio Brasileiro 2019”, divulgado pela instituição em dezembro. No comparativo com a safra passada, a antecipação da colheita da soja possibilitou o bom andamento da semeadura do algodão segunda safra em Mato Grosso. Na Bahia, as lavouras também tiveram um desenvolvimento inicial dentro das expectativas, apesar do volume de chuvas abaixo do normal no início do ano que impactaram a soja e o milho.

A produção brasileira de algodão poderá atingir 2,5 milhões de toneladas de pluma na safra 2018/2019, consolidando um novo recorde no Brasil. Segundo o IMEA (Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária), cerca de 70% da produção estimada de algodão da safra 2018/19 de Mato Grosso já está comercializada por parte dos produtores.

 

 

Fonte: Agrolink

By | 2019-03-21T19:06:02-03:00 março 21st, 2019|Agronegócio|0 Comentários
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!