Representantes de sete países chegam a MT para discutir a cadeia produtiva da carne

Presidentes e CEOs das principais entidades representativas da pecuária mundial estão em Mato Grosso para a Conferência Anual da Aliança Internacional da Carne Bovina (International Beef Alliance – IBA). O lançamento do encontro foi realizado neste domingo (27), em Cuiabá.

Sob coordenação da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), entidade que representa o Brasil na IBA desde 2015, essa é a primeira vez que o país sedia uma Conferência da Aliança.

Comitiva visita a Fazenda Ressaca, da Nelore Grendene, em Cáceres

Durante os dias de evento, que segue até a próxima sexta-feira (31), membros de entidades representativas dos produtores de carne da Austrália, Brasil, Canadá, México, Nova Zelândia, Paraguai e Estados Unidos, devem discutir vários assuntos que são de comum interesse desses países. Entre eles, defesa sanitária, guerra comercial entre os EUA e a China, ameaças e oportunidades de mercado, além de trocar experiências.

Os sete países que fazem parte da IBA são responsáveis por mais de 50% de toda a produção de carne do mundo e 62% da exportação mundial de carne bovina, saem deles.O presidente da Acrimat, Marco Túlio Soares, disse que desde que passaram a fazer parte da Aliança, a instituição tem participado ativamente das discussões da IBA e que “é uma alegria muito grande representar o Brasil na Aliança”. Ressaltou que os líderes desses países, no que diz respeito a carne, “vão discutir nessa semana as questões das barreiras sanitárias, as ameaças e oportunidades e trocar cases de sucesso. Esse é o grande mote deste evento”, finaliza.

Aliança da Carne

Dentre os assuntos que devem ganhar espaço nas discussões é a “carne falsa ou alternativa de proteínas”, explica o Secretário Geral da IBA, Márcio Caparroz. Estas são proteínas produzidas sem ter origem animal. “Querem chamar esse tipo de produto de carne, o que pode enganar os consumidores”, justifica.

Márcio disse que o papel da Aliança não é interferir em assuntos específicos dos países, mas discutir temas pertinentes a todos e juntos desenvolverem a pecuária.

A missão permanece em Cáceres até terça-feira (28), já na quarta-feira (29) segue para o Pantanal Mato-grossense, no município de Poconé, para visitações na região. Na quinta-feira (30) e na sexta-feira na programação está a Assembleia Geral da Aliança. O encerramento da missão será na sexta-feira (31).

By | 2019-05-28T11:27:31-03:00 maio 28th, 2019|Agronegócio, Comercial, Economia, Mato Grosso|0 Comentários
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!